Follow by Email

domingo, 9 de janeiro de 2011

"A alma não teria arco-íris se os olhos não tivessem lágrimas". John Vance Cheney

Ontem assisti em um noticiário belas imagens de arco-íris. Fascinantes. Após chuvas fortes ele aparece, glorioso, pintando o céu com 7 cores.

7 é um número da perfeição, um número sagrado segundo as tradições. E o arco-íris é a marca da aliança feita por Deus para com a humanidade, segundo o Antigo Testamento.
Mas para esse espetáculo surgir no céu, tem que haver derramamento de chuva, tem que ter tempestade.
É bem assim com a gente também. Pintar um arco-íris na alma exige um pouco de chuva, de tempestades talvez.

Fico lembrando de minha infância, quando ficava na janela admirando o arco-íris. Sempre me encantava vê-los.
Hoje nem tanto, nem fico na janela e nem olho para o céu.
Mau sinal. Indica que perdi um pouco de sensibilidade para apreciar... ou melhor, acho que presto  atenção na chuva, na tempestade e perco o espetáculo do que vem depois. 
Sinto que as pequeninas coisas que apreciava ficaram simples demais para minha alma complexa.
Devo mudar isso. Preciso enxergar o belo, dar significância aos fatos corriqueiros da vida. 
A gente se reconstrói dia-a-dia. Um renascer diário, que exige atenção, senão acabamos por banalizar tudo e sabe-se lá, todos...(?) 
Quero voltar a ter  meus olhos brilhantes, capazes de apreciar com mais intensidade o que a vida me proporciona. 
Quero meu arco-íris na alma. E que ele venha, pois a tempestade já passou...

2 comentários:

Fatima disse...

Que as verdadeiras amizades continuem.
Que as lágrimas sejam poucas, e compartilhadas.
Que as alegrias estejam sempre presentes e sejam festejadas por todos.
Que o carinho esteja presente em um simples "Olá",
ou em qualquer outra frase mesmo que digitada rapidamente.
Que os corações estejam sempre abertos para novas amizades,
novos amores, novas conquistas.
Que Deus esteja sempre com sua mão estendida
apontando o caminho correto.
Que as coisas pequenas como a inveja ou desamor,
sejam retiradas de nossa vida.
Que aquele que necessita de ajuda encontre sempre em nós,
uma animadora palavra amiga.

Que a verdade sempre esteja acima de tudo.


Bjs.

Maysa Helena disse...

Que lindo Fá, obrigada!
Um 2011 abençoado para vocë e sua família!! Bjos!!!

MAYSA

MAYSA

Páginas

Pesquisar este blog

Carregando...

MyPersonality.info Badge

Click to view my Personality Profile page

Mineiro nunca é o que parece, sobretudo quando parece o que é...(Millor Fernades)

PÃO DE QUEIJO

PÃO DE QUEIJO
só se for de Minas

JOÃO DE GUIMARÃES ROSA

JOÃO DE GUIMARÃES ROSA
nos sertões....

ÁGUAS DE CONTENDAS

ÁGUAS DE CONTENDAS
água gasosa na fonte....

Queijo Minas!!!

Queijo Minas!!!
Quêjo prus minêro é qui nem arroiz pro japonêis.

as "minas" de MINAS

as "minas" de MINAS
" ouro parecia brotar em todo lugar. Sabarabuçu, Cataguás ou Cataguases, Caeté, do Rio das Mortes, Itambé, Itabira, Ouro Preto..."

Serra da Canastra MG

Serra da Canastra MG

CACHOEIRA DOS PIRES- PAIOLINHO

CACHOEIRA DOS PIRES- PAIOLINHO

MINAS GERAIS É ASSIM

Loading...

"...na noite, ao longe apita o trem de Minas

"...na noite, ao longe apita o trem de Minas

Montanhas de Minas....

Montanhas de Minas....
Fiquei com saudade de um mundo que perdi (por culpa própria): o mundo do tempo comprido, arrastado (os paulistas ficam aflitos ouvindo a fala vagarosa e cantada dos mineiros....); dos móveis feitos a golpes de enxó, orgulhosos de sua rusticidade; das crianças de pés descalços na enxurrada; do cheiro dos cavalos suados; do frango com quiabo, angu e pimenta; do caldo de “ora-pro-nobis” com fubá; do café na canequinha de folha; da cadeira de vime à porta de casa; na rua, meninada brincando; meu pai fumando cachimbo; do banho de cachoeira; sobretudo, saudades do Mar de Minas.

Minas

Minas
"Minas, são muitas. Porém, poucos são aqueles que conhecem as mil faces das Gerais".

SempreMinas

Minha foto
Brazil
ainda não me sinto apta a descrever-me em 1200 caracteres

SANTUÁRIO CARAÇA

SANTUÁRIO CARAÇA
Oh! Minas...

SERRA DO CARAÇA

SERRA DO CARAÇA
"Minas Gerais principia de dentro para fora e do céu para o chão."

Mantiqueira

Mantiqueira
"Quando Minas se enfraquece, o Brasil definha. Minas é a união, é a liga inquebrantável que une as fissuras dos Brasis: o do norte, sertão agreste, e o do sul. Minas não tem mar porque o mar é salgado. Minas é doce. Suas águas são as águas da unidade nacional.”